Garotas Suecas lança disco na festa Barbada

Um dos eventos mais tradicionais de Londrina, a Festa Barbada recebe no domingo, a banda paulista Garotas Suecas que traz em primeira mão o lançamento do seu terceiro disco ‘Futuro do Pretérito’. O show acontece no Bar Valentino e a programação da festa, que começa às 18h traz ainda o DJ residente Ed Groove e DJ Dbeat. Os dois animam a pista antes e depois do show. E também o Bazar Barbada na casinha, cheio de novidades em arte, moda e gastronomia.

Atualmente, a banda é formada por Irina Bertolucci, Fernando Freire, Tomaz Paoliello e Nico Paoliello - Foto: Marcelo Vogelaar
Atualmente, a banda é formada por Irina Bertolucci, Fernando Freire, Tomaz Paoliello e Nico Paoliello – Foto: Marcelo Vogelaar

O ‘Futuro do Pretérito’ é um tempo verbal da nossa língua, o que “faria”, “iria”, “poderia”, isso diz muito sobre o terceiro álbum de estúdio do Garotas Suecas e provavelmente por isso foi escolhido como título do trabalho mais inspirado e bem executado do quarteto paulista. A banda que em 2014 perdeu seu vocalista Guilherme Saldanha, ganhou em participação dos outros 4 integrantes, que cantam, criam e tocam com a competência em emular influências de rock sessenta e setentistas, black music e todos os tipos de cores da música brasileira, se juntam a uma clareza de discurso, sendo certeiros no trato de questões políticas e humanas, canções maduras retratando nosso tempo, nossas mazelas e questionamentos.

Se trata de um dos lançamentos mais notáveis do ano, a sequência “Objeto Opaco”, “Não tem Conversa” e “Todos os Policiais”, são socos de informação e critica conduzidas por arranjos incríveis e trabalho de estúdio maduro, na mesma linha da excelente “Angola, Luisiana”. A tropical “Ananás” e a delicada “Captei Você”, além de versatilidade também mostram um pouco das virtudes nos primeiros registros. “Quarto”, “Psicodélico” e “Morrer Azul” são as porções melancólicas do álbum, cada uma a sua forma.

A banda de Irina Bertolucci, Fernando Freire, Tomaz Paoliello, Nico Paoliello está no rol de grupos relevantes que o rock nacional produziu nos últimos tempos, com qualidade e singularidade comparáveis hoje aos também paulistas do O Terno. As mudanças na banda, o tempo de maturação da nova formação e do novo conceito foram perfeitos.

FESTA BARBADA – Projeto independente produzido pela BARBADA e realizado mensalmente no Bar Valentino desde março de 2010. Trata-se de uma caravana que integra várias linguagens em um único lugar. Inicialmente realizada na casinha do bar – estrutura mais antiga -, atualmente ocupada todo espaço que recebe toques precisos na decoração, principalmente no palco das apresentações. O horário e preço da entrada destoam do padrão da noite londrinense fazendo jus ao nome. A festa se pauta pela diversidade, integrando música, moda, literatura, gastronomia, quadrinhos, artes plásticas e artesanato atraindo um público de jovens formadores de opinião. Hoje é uma das principais vitrines da nova música, recebendo também artistas de destaque no cenário independente local e nacional.


Barbada | Edição #119
Show com Garotas Suecas (SP)
Lançamento do disco ‘Futuro do Pretérito’
+ DJ Ed Groove + DJ Dbeat 
+ Bazar Barbada
18 horas
Couvert R$ 12,00
Classificação: 18 anos

Barbada – Francisco El Hombre toca hoje em Londrina

Francisco El Hombre toca hoje em Londrina. Neste domingo (10), a edição 115 da Barbada terá apresentação da banda Francisco, El Hombre no palco do Bar Valentino. A festa recebe ainda o residente DJ Ed Groove e o DJ Fabio Indígena do Axé para esquentar ainda mais a festa. Os dois animam a pista antes e depois do show. A programação tem início às 18h com o Bazar Barbada, cheio de novidades em arte, moda e gastronomia. Com o Apoio Cultural do Pastel Mel! O cartaz e seus desdobramentos são produzidos com todo carinho pelo Lasca Studio!

Um acontecimento tomado por explosões rítmicas, o show da franciso, el hombre passou por importantes festivais e palcos. Entre 2015 e 2016, por exemplo, a banda fez mais de 600 apresentações - Foto: Divulgação
Um acontecimento tomado por explosões rítmicas, o show da franciso, el hombre passou por importantes festivais e palcos. Entre 2015 e 2016, por exemplo, a banda fez mais de 600 apresentações – Foto: Divulgação

O segundo semestre promete bons shows para Londrina. Depois de uma breve pesquisa na página festa, a produção da Barbada selecionou algumas bandas e agora promete surpreender o público. A banda Francisco El Hombre já era muito aguardada pelos londrinenses, ainda mais depois de uma grande apresentação no Psicodália, Festival muito frequentado e admirado pelo público da cidade. E a Barbada está de olho! Então fique ligado!

“Somos as fronteiras que cruzei”, diz um dos versos da música intitulada “Francisco, el Hombre”, que está no EP de estreia La Pachanga (2015), da banda francisco, el hombre. Talvez tal frase seja a que melhor representa o grupo formado pelos irmãos mexicanos Sebastián e Mateo Piracés-Ugarte e pelos brasileiros Juliana Strassacapa, Andrei Kozyreff e Rafael Gomes. Isso porque o quinteto encontra na estrada (e na vida cotidiana) as suas grandes inspirações, mas não só. Com letras em português e em espanhol, a banda se tornou uma peça fundamental na conexão latino-americana. Em seus shows, coloca o público de língua portuguesa para cantar em espanhol e as pessoas de idioma latino para entoar as canções em português. Para eles, não há fronteira que não possa ser cruzada.

Com o lançamento do primeiro disco da carreira, SOLTASBRUXA (2016), que tem produção assinada por Zé Nigro e participação especial de Liniker e do grupo Apanhador Só, a francisco, el hombre alcançou uma maturidade musical e ampliou o seu público, que é formado por pessoas ávidas por descobrimentos musicais. As letras do álbum abordam o momento político e social do Brasil: “Em vez de tentar dar uma cara atemporal ao CD, decidimos encarar o agora. Política faz parte de quem somos, mas no La Pachanga! isso ficou escondido”, diz Sebastián, que toca bateria e canta na francisco, el hombre.

Outro ponto-chave para o crescimento da banda foi o lançamento do clipe de “triste, louca ou má”, que já contabiliza mais de 1 milhão de views no canal do YouTube e cuja canção se tornou um hino feminista. A gravação do vídeo, inclusive, foi feita durante uma turnê por Cuba (em breve, um documentário da passagem do quinteto pela Ilha será lançado).

Um acontecimento tomado por explosões rítmicas, o show da franciso, el hombre passou por importantes festivais e palcos. Entre 2015 e 2016, por exemplo, a banda fez mais de 600 apresentações. Destaque para os festivais latino-americanos América x Su Musica (Havana – Cuba), Imesur (Santiago – Chile) e FimPro (Guadalajara – México). Também passou pela Argentina e pelo Uruguai. Em território nacional, tocou no Rec Beat (Recife – PE), Virada Cultural de São Paulo (Municipal e Estadual), Festival DoSol (Natal – RN), El Mapa de Todos (Porto Alegre – RS), Fora de Noca (Florianópolis – SC), Psicodália (Rio Negrinho – SC), Bananada e Vaca Amarela (Goiânia – GO) e Festival Tenho Mais Discos que Amigos! (Brasília – DF).

BARBADA – Projeto produzido pela BARBADA realizado mensalmente no Bar Valentino desde março de 2010. Trata-se de uma caravana que integra várias linguagens em um único lugar. Inicialmente realizada na casinha do bar – estrutura mais antiga -, atualmente ocupada todo espaço que recebe toques precisos na decoração, principalmente no palco das apresentações. O horário e preço da entrada destoam do padrão da noite londrinense fazendo jus ao nome. A festa se pauta pela diversidade, integrando música, moda, literatura, gastronomia, quadrinhos, artes plásticas e artesanato atraindo um público de jovens formadores de opinião. Hoje é uma das principais vitrines da nova música, recebendo também artistas de destaque no cenário independente local e nacional.


SERVIÇO
Festa Barbada com Francisco, el Hombre
+ DJ Ed Groove + DJ Fábio Indígena do Axé
+ Bazar Barbada
18 horas
Couvert R$ 15,00
Classificação 18 anos