Por Bruno Leonel

O Festival Kinoarte de Cinema divulgou, na última quarta-feira (9), a lista dos curtas-metragens selecionados para participar da 18ª edição do evento em Londrina, que será realizada de 18 a 27 de novembro. As exibições irão ocorrer no Cine Aurora Shopping e Cine Com-Tour UEL. A programação completa será divulgada nos próximos dias. O Festival conta com patrocínio da Prefeitura de Londrina, por meio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic).

O filme "Canto do Claustro' que já foi exibido em uma mostra do Festival de Cannes (França) é um dos selecionados - Foto: Divulgação
O filme “Canto do Claustro’ que já foi exibido em uma mostra do Festival de Cannes (França) é um dos selecionados – Foto: Divulgação

O Festival é um dos mais tradicionais do Paraná, e a programação desta edição traz 63 filmes, incluindo curtas e longas-metragens nacionais e internacionais, e as já tradicionais Competitivas Ibero-Americana, Nacional, Estadual e Londrinense de curtas, que concorrem ao troféu Udihara de melhor filme, de acordo com os júris oficial e popular. Mais informações sobre o evento estão no endereço www.kinoarte.org/festival/.

O coordenador de produção do Festival Kinoarte de Cinema, Bruno Gehring, informou que a organização recebeu um total de 600 inscrições, apenas na categoria de curtas. “O foco do Festival continua sendo o cinema nacional e independente, com amplo destaque para as produções locais e reunindo filmes nacionais que estão em destaque no cenário brasileiro e do exterior, vários deles tendo conquistado prêmios em eventos importantes”, ressaltou.

 um dos principais destaques de toda a programação será o documentário “Cinema Novo”, dirigido por Eryc Rocha, que encerrará o 18º Festival - Foto: Divulgação
um dos principais destaques de toda a programação será o documentário “Cinema Novo”, dirigido por Eryc Rocha, que encerrará o 18º Festival – Foto: Divulgação

O Festival também terá alguns filmes exibidos em sessões temáticas especiais, envolvendo temas como “Consciência Negra”, “Memória do Esporte Olímpico” e “Indígena”. A produção, que recebeu neste ano o prêmio “Olho de Ouro” no Festival de Cannes, é um ensaio poético que retrata o movimento brasileiro Cinema Novo, que revolucionou a criação artísticas nos anos 1960 e 1970, colocando o Brasil no mapa do cinema mundial.

A Competitiva Nacional de Curtas terá 13 produções, incluindo filmes de 7 estados diferentes: Pernambuco, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Minas Gerais. Já a Competitiva Ibero-Americana, realizada pelo terceiro ano consecutivo, traz cinco curtas: “Icaro”, de Yeyo Kamikaze e Edgar Alan Palacios (México); “Icelands”, de Miguel Ángel Mejia (Espanha/Alemanha); “Lost Village”, de George Todria (Espanha Geórgia); “Mater Salvatoris”, de Marc Barceló (Espanha) e “Materia Prima”, de Cristian Mellado (Chile).

Londrina – De Londrina e região, oito filmes foram selecionados para integrar a Competitiva Londrinense de Curtas. As produções locais serão exibidas pela primeira vez durante o festival. Atrás apenas da Competitiva Nacional, este é o segmento que possui o maior número de filmes no evento.

Realização – O Festival Kinoarte de Cinema é uma realização da Kinoarte (Instituto de Cinema de Londrina). É produzido pela Filmes do Leste e tem patrocínio da Prefeitura de Londrina por meio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic).

Confira os curtas selecionados para o 18º Festival Kinoarte de Cinema:

Competitiva Ibero-Americana
• Icaro, de Yeyo Kamikaze e Edgar Alan Palacios (MEX)
• Icelands, de Miguel Ángel Mejia (ESP | ALE)
• Lost Village, de George Todria, (ESP | GEO)
• Mater Salvatoris, de Marc Barceló (ESP)
• Materia Prima, de Cristian Mellado (CHI)

Competitiva Londrinense
• Baldy, de Andianara Barbora, Jackeline Seglin, Jenny Torres, Loraine Kavrokov, Nivaldo Lino, Paola Cuenca Moraes e Victor Struck
• Encontro de Raízes, de Sandro Branco
• O Enterro do Caipira, de Robinson Borba
• Gira Brasil Londrina Garopaba, de Arthur Ribeiro
• Invasores, de Carlos ‘Fofaun’ Fortes
• A Noiva, de Karina Rocha
• O Pelourinho, de Felipe Pauluk e Camila Yoshida
• O Retrato, de Jackeline Seglin

Competitiva Paranaense
• O Canto do Claustro, de Gustavo Minho Nakao
• A Casa sem Separação, de Nathália Tereza
• Com Todo Amor de Que Disponho, de Aristeu Araújo
• Lobo, de Thiago Busse
• Parque Pesadelo, de Aly Muritiba e Francisco Gusso

Competitiva Nacional
• O Delírio é a Redenção dos Aflitos, de Fellipe Fernandes (PE)
• Deusa, de Bruna Callegari (SP)
• O Estacionamento, de Willian Biagioli (PR)
• Uma Família Illustre, de Beth Formaggini (RJ)
• Garoto VHS, de Carlos Daniel Reichel (SC)
• Lightrapping, de Marcio Miranda Perez (SP)
• A Moça que Dançou com o Diabo, de João Paulo Miranda Maria (SP)
• Não me Prometa Nada, de Eva Randolph (RJ)
• Outubro Acabou, de Karen Akerman e Miguel Seabra Lopes (RJ)
• Represa, de Milena Times (PE)
• Sob Águas Claras e Inocentes, de Emiliano Cunha (RS)
• Solon, de Clarissa Campolina (MG)
• Tango, de Francisco Gusso e Pedro Giongo (PR)


SERVIÇO
Festival Kinoarte de Cinema – de 18 a 27 de novembro
(Mais informações em www.kinoarte.org/festival/)